sábado, 9 de janeiro de 2010

Tradução e Economia

Há algum tempo atrás, enquanto estudava para um teste de micro-economia, decidi requisitar um livro na Biblioteca Geral da Universidade do Minho (BGUM).

A referência bibliográfica deste livro é a seguinte: Frank, Robert H. - Microeconomia e comportamento. Lisboa : MacGraw-Hill, cop. 1994.

Este manual foi inicialmente editado em Inglês e, a seguir, foi traduzido para Português por Fernando Neves de Almeida.

O objectivo deste post não é de criticar a tradução do senhor mas sim de comentar uma frase onde o autor fala da transitividade. Não sabem o que é? Muito bem, passo a explicar este conceito usando um exemplo. Se o Pedro é maior que o João e, se o Paulo é maior que o Pedro, então o Paulo é maior que o João. A transitividade é exactamente isto!

Mas neste caso, o tradutor (e digo bem tradutor e não autor) explicou este conceito usando outro exemplo: o futebol Português, e nomeadamente os 3 grandes. Passo a citar:

"Uma outra relação não transitiva é demonstrada na relação de “derrotas do futebol”. Nalgumas épocas o Benfica derrota o Sporting, e o Sporting vence o Porto, o que não quer, necessariamente, dizer que o Benfica vá vencer o Porto, embora seja o mais provável (*)."

O asterisco envia para uma nota de rodapé que diz: "Comentário do tradutor".

Para quem não acreditar, segue abaixo uma foto do livro e da página em questão. Agora digam lá se este tradutor não tem pinta?




1 comentários:

FFA disse...

Fantástico! A isto se chama "domesticação", como dizia Venutti.