sexta-feira, 1 de abril de 2011

Artista do Mês: Savage Garden

A indústria da música é estranha e fascinante ao mesmo tempo. Tanto consegue produzir artistas que não valem nada e que se aguentam anos e anos, como produzem outros que, embora tenham talento, vão infelizmente desaparecer da circulação. Eu sei que a noção de talento é extremamente subjectiva mas existem casos caricatos… Mas deixemos os mais engraçados para outra altura. Hoje apetece-me falar de uma banda que surgiu no final dos anos 90, uma banda australiana que conheceu um enorme sucesso antes de se separar, os Savage Garden.

Quem não se lembra desta banda? Quem não se lembra de uma famosíssima canção que circulava pelo mundo em 1997 e que fazia derreter os corações das meninas? Quem não se lembra dela numa altura em que os nossos ouvidos eram aterrorizados pelos Backstreet Boys, os Hanson, os Aqua, os Boyzone e as Spice Girls? Nada de boyband ou girlband ou de irmãos em fase de puberdade… Tratava-se apenas de dois rapazes que tocavam música de verdade.

Estes dois rapazes chamam-se Darren Hayes (vocalista) e Daniel Jones (instrumentos), ambos oriundos de Brisbane em Austrália. Conheceram-se em 1993 quando o segundo fazia parte de uma banda composta por ele e os seus irmãos chamada Red Edge, sendo que esta precisava de um cantor. Neste sentido, colocaram um anúncio num jornal local ao qual Darren Hayes respondeu (reza a lenda que foi o único…). Pouco tempo depois, os Red Edge separaram-se e foi no seguimento desta dissolução que o Darren e o Daniel formaram um dueto chamado Savage Garden em homenagem à obra “The Vampire Chronicles” de Anne Rice onde a autora escreve “The mind of each man is a savage garden”.

O primeiro trabalho dos Savage Garden apareceu em 1995 com o primeiro single I Want You, que foi o mais vendido naquele ano na Austrália. Seguiram-se To The Moon and Back no final de 1996 e Truly, Madly, Deeply em 1997. Com este sucesso no mercado australiano, o primeiro álbum da banda foi comercializado no resto do mundo, sendo que o single I Want You alcançou o 11º lugar nos charts britânicos e que Truly, Madly, Deeply foi a canção mais tocada nas rádios dos Estados-Unidos. Ainda em relação a esta canção é importante salientar que conseguiu tirar Candle in the Wind de Sir Elton John do primeiro lugar que ocupava há 14 semanas. Nem a Lady Diana resistiu...

Pessoalmente, gostei muito desta música como também do vídeo, pois era uma espécie de passeio por uma cidade que adoro. Alguns poderão dizer que é muito lamechas e que é uma música para meninas mas, meus caros, a verdade é que esta canção tal como outras do género são impulsionadores de grandes momentos de romantismo adolescente. Deixo-vos meditar sobre isso…

Em 2000, o segundo álbum da banda foi lançado com o título Affirmation onde podemos destacar títulos como I Knew I Loved You, Crash and Burn, Hold Me e Animal Song, sendo que este último faz parte da banda original do filme “The Other Sister” (acho que nunca vi este filme…). Este novo opus foi outro grande sucesso, conquistando vários discos de platina na Austrália e no resto do mundo. Fortes de dois álbuns que receberam críticas positivas, era de esperar que os Savage Garden preparassem um novo trabalho mas nada disso aconteceu.

Apesar da carreira desta banda seguir um rumo positivo, os seus membros decidiram separar-se em 2001 por motivos ainda hoje estranhos. Desde então, cada um trabalha em projectos pessoais, uma colectânea foi lançada em 2005 e não se ouve falar de um possível regresso.

Talvez os membros do grupo voltem um dia a trabalhar juntos mas entretanto, poderão matar saudades com alguns vídeos que ficam aqui ao lado…

2 comentários:

Sara disse...

vim cá só pa dizer =)
CAMPEÕES CAMPEÕES CAMPEÕES NÓS SOMOS CAMPEÕES =)

Sofia Martins disse...

Trully, Madlly, Deeply <3